Como Usar e Onde Encontrar Pulseiras Masculinas!


24/12/11
Na(s) categoria(s): Acessórios Masculinos, Por Aqui | Postado por Diandra Fernandes às 13:02

E eles são os seguintes:

Como encarar o verão o ano inteiro sem perder o estilo pro suor:

E como eu sei que a preguiça de clicar às vezes impera, vou me dar um copy and paste a seguir:

Foto: Richards.com.br

E essa é pra quem vive onde verão é a única estação vigente ou mesmo uma boa atitude pra se adotar quando tiver que encarar o verão in a fashionable way:

  • Primeiro: faça dos tecidos 100% naturais o seu luxo. Blends com sintéticos most of the time só fazem a peça mais quente ou menos eficiente quando o assunto é transpirar melhor. Algodão, linho, lã fria, lightweight cashmere, seda são as suas pedidas. Se é pra enfrentar termômetros altos, então que seja na base do luxo puro.
  • Segundo: fuja do preto e use cores escuras em moderação; aposte em cores claras (branco, bege, cinza claro) ou menos escuras como o cinza médio ou o marinho ou até o marrom para suas bases neutras. E sempre adicione toques de cores mais claras se usar as cores mais escuras quando puder, porque refresca o look.
  • Aposte em fake layers como suéteres com mangas e golas embutidas, polos e camisetas com moldura nas mangas e por aí vai. Assim você brinca de vestir camadas usando uma peça só.
  • Ou então coloque as suas fichas em layers fresquinhas que seriam duas peças com tecidos bem fininhos do tiposuperlightweight mesmo, ou ainda regata com regata (que a propósito está on trend para esta estação) ou um colete fresquinho ou divertido por cima da seta ou regata, para dar alguns exemplos.
  • Varie nas cores e nas estampas das peças ou ainda nos detalhes ou aposte em modelos diferentes tipo camisas sociais de punho normal, conversível e duplo, com colarinhos mil, versão militar, slim e tradicional ou ainda em bermudas alfaiatadas, esportivas, estampadas, utilitárias e assim se vai.
  • Sem esquecer que, uma camisa de manga curta slim fit, ajeita mais o look e pode até comparecer a baladas casuais,sans problema.
  • E ter uma bermuda alfaiatada pode te ajudar a desfilar por aí com as pernas de fora em estilo até para um jantarzinho à beira noturno, se quiser saber.
  • Do mesmo jeito que uma calça de algodão ou linho mais confortável (leia-se larguinha e não largona), mas upzinha (de dress up) acompanhada de um top ajustado pode ir aqui, ali e acolá na boa.
  • Se divirta e adicione cor ou tempero com acessórios como chapéus, cintos, tênis diversos e coloridos, sandálias, suspensórios, gravatas, hankiesscarves ou mesmo relógios. E se for pra você, alguma jóia ou bijou.
  • Incorpore uma bela sandália de couro marrom escura como uma opção elegante de footwear para despojar até alguns looks mais arrumadinhos por aí.
  • E encarar um look sockless, também pode ser uma. Se não der, aposte naquelas moc socks, então.
  • Se for usuário de terno, aposte num de lã fria ou tropical para um terno mais sofisticado e em linho, anarruga ou algodão para os mais diurnos e casuais. Se sentir muito calor e não se importar em ter um terno um pouco menos resistente escolha um de tecido mais lightweight possível (super 180 ou a tropical). De dia, aposte num cinza claro ou bege/cáqui. Se terno escuro for mandatório, aposte num cinza médio ou marinho. Ambos também são opções noturnas. Tem que usar smoking? Saiba que usar um com paletó branco é perfeitamente aceitável. Se caprichar no fit, ninguém vai te confundir com garçom nenhum.
  • Para um cardi ou suéter, mire num bem levinho de cashmere que além de puro luxo e sofisticação não vai esquentar tanto quanto um de lã.
  • Ou então, faça uso de uma camisa por cima da camiseta, se para abrandar o ar frio que eventualmente vem do marthat is enough.
  • E não esqueça do bom e velho twist nos detalhes como o jeito que vai dobrar ou repuxar as mangas, dobradas da barra da calça ou bermuda, a indecisão do quanto vai mostrar o cinto (meio coberto, meio descoberto despojadamente), do meio pra dentro, meio pra fora nas barras dos tops ou golas… enfim, escolha os seus twsits (do tipo que tem a ver com você, seu estilo e lhe favoreçam) e mande ver neles pra diferentar as suas montadas.
  • Last but not least… aproveite as alternativas reduzidas para investir em peças de qualidade, porque além de fazer maravilhas para os seus looks, you totally deserve it.

Eu sei que muitas vezes, muitos destes itens não são fáceis de achar, mas quando você for viajar, ou der de cara com um deles por aí na sua cidade, abasteça o seu armário com eles. Vale.

E tem ainda este outro post aqui, porque né, os Detalhes é que fazem toda a diferença, dude.

Reproduzindo…

Acessórios são ótimos detalhes…

E o que eu chamo de detalhe? É claro que o detalhe engloba as variações nos modelos das peças como uma moldurinha aqui e ali na calça ou algo unusual na camisa plain joe de sempre ou na peça que for, mas ele também cobre o saber que a gola da camisa de todo dia pode ser usada fechada, aberta ou bem aberta. Ele pode ainda figurar na forma que você escolhe brincar com os botões trocando-os por outros pra variar ou  simplesmente escolhendo o número deles que vai deixar aberto; é saber que a altura das mangas dobradas ou repuxadas do seu jeito podem mudar a vibe da montada, que os peepings das camadas, o jeito que enrola o cachecol no pescoço ou usa o cinto play a part, que uma roupa com o fit em dia e um tecido de boa qualidade podem ser o detalhe ou os detalhes que vão te garantir o título de dude mais bem-vestido in the hood mesmo usando o mesmo combo de sempre. Porque sim, tudo isso é detalhe, mas daquele que mesmo quando sussurra dá o seu recado.

E sim, ele pode aparecer na forma de um acessório (como um chapéu ou hankie (ou no como vai embolsá-lo) ou um cinto divertido ou uma pulseira de relógio colorida) ou ser um mero twist na montada como aquele do meio pra dentro, meio pra fora que sempre figura por aqui ou no nó que escolhe dar na sua gravata ou estar por dentro bem escondido no forro estampado de um paletó que só aparece vez ou outra ou ainda nas meias divertidas que decidiu usar porque banca bem este tipo de coisa e que só aparecem quando você anda ou senta ou simplesmente no jeito que decidiu laçar o seu tênis

E nem preciso dizer que é justamente através dele que você pode fazer um dresscode ter a sua cara, mesmo que de uma maneira sussurrante… preciso? Exemplo? Digamos que você tem uma pegada despojada. Na hora de usar um terno, deixe o colarinho levemente aberto com o nó no lugar e pronto, taí você. No detalhe. Curte cor e vai pra um evento quatrocentão enternado? Use um hankie de cor viva no bolso do terno neutro ou escolha um suspensório as such.

Deu pra sacar?

Enfim, investir no detalhe é isso. Portanto, não o subestime porque ele faz a diferença.

Sugestão: Dá uma olhada no Tumblr do Dudes que tem uns bons exemplos de details.

E se quiser saber, aplique ambos os posts pra escolher o seu look pra festa de hoje ou pra da virada e claro pra encarar o verão que tá prometendo ser quente.





2 dudes comentaram nesse post:

  1. lukas disse:
    7 de July de 2012 às 21:39

    Este post está perfeito. Tirei uma dúvida cruel que tinha desde muito tempo, que era como superar o calor com estilo, pois, em quase todas cidades no Brasil o tempo quente impera na maior parte do ano.

    Gostei do esforço em dizer detalhes, pois muitos sites são bem superficiais ao darem dicas, o que não resolve o problema dos leitores.

    Di…a rainha da moda masculina….

    Reply

    • Diandra Fernandes disse:
      8 de July de 2012 às 18:52

      Lukas,

      😉

      XO

      Reply


Deixe seu comentário