Como Usar e Onde Encontrar Pulseiras Masculinas!


21/03/13
Na(s) categoria(s): Anote Essa! | Postado por Diandra Fernandes às 7:29

Paga contas ou faz compras pelo celular, é bom ter em mente algumas coisinhas pra evitar problemas com a segurança da operação. Ou melhor, pra ter um pouco mais de segurança na operação. Uma listinha pra você:

pagando-contas-celular

  • Só faça pagamentos para empresas que você conhece e/ou sabe que é segura e com certificação de segurança tipo o PCI DSS, selo internacional de segurança exigido pela Visa e Mastercard para empresas que trafegam dados de cartões de crédito. Eles garantem credibilidade à prestadora do serviço já que pra obtê-los a empresa deve passar por uma série de verificações de normas de condutas e controles de qualidade e segurança. Uma boa é sempre usar o PayPal porque aí você não precisa colocar os dados do cartão toda vez que vai comprar algo e sim logar com a sua conta no PayPal. E quando alguém faz uma compra, você recebe a notificação no seu email.
  • Se valha da criptografia que é o https no browser. E o cadeado fechado. Ela é uma das formas mais seguras de transmissão de dados pois transforma os dados sigilosos de sua forma original para outra ilegível, para que possa ser conhecida apenas pelo destinatário. Internet banking se vale dela.
  • É sempre uma boa pagar ou fazer compras nas empresas que tenham comprovantes instantâneos via SMS ou e-mail. Geralmente eles têm mais segurança.
  • E é sempre bom checar online toda semana ou pelo menos quando o extrato chegar se está tudo certinho, se nenhuma compra que você não fez foi efetuada.
  • E não faça transações via wi-fi ou qualquer rede pública. Nessa é bom usar a sua, protegida por senha ou o seu 3g. E não coloque senhas e nem inserte os seus dados onde alguém possa ver você os digitando.
  • Mantenha sempre o software do celular updated.
  • Caso haja alguma irregularidade, entre em contato asap com o seu banco ou com a empresa de cartão de crédito e não pague a fatura até que a situação tenha sido regularizada.

Fonte: Yahoo Finanças.





0 dudes comentaram nesse post:


Deixe seu comentário