Como Usar e Onde Encontrar Pulseiras Masculinas!


20/04/11
Na(s) categoria(s): Acessórios Masculinos, Coordenando Cores | Postado por Diandra Fernandes às 9:27

Veja bem, eu já escrevi, reescrevi este post umas 500 vezes na tentativa de passar as diretrizes da forma mais descomplicada possível pra simplificar a sua vida, sem firulas ou whatever. Acho que consegui desta vez. Feedback expected.

Com uma camisa branca e terno neutro, the sky is the limit, seja a gravata lisa ou estampada.

Vamos então ao 101?

As duas estampas foram linkadas pelo azul em comum.

Mas antes é bom deixar claro uma coisinha deveras importante: que de uma maneira geral terno branco, bege, marrom, oliva, marinho, azul noite (midnight blue), cinza e o preto (dá uma lidinha neste post aqui pra ver o que penso sobre terno preto, tá?) são neutros e que por isso, genérica e tecnicamente falando comportam uma camisa na cor que seja. Dito isso e pensando sempre num terno neutro…

  • A camisa pode ser na cor que desejar. Daí pra acompanhar esta camisa na cor que escolheu, saiba que a gravata pode ser num tom mais escuro na cor da camisa ou na cor do terno, se ela for lisa/sólida. Se a gravata for estampada que ela contenha a cor da camisa (no tom que for) e/ou a cor do terno (no tom que for), podendo ter outras cores envolvidas (ou não) e pronto: equação resolvida pra dummie nenhum se complicar.
  • Uma camisa branca (ou off-white) comporta uma gravata na cor que bem quiser. Ponto. Na estampa que desejar. Ponto. Pra não deixar o look colorido demais, se a gravata tiver só cores não presentes na enternada, mantenha a própria em 3 cores tops. Se for pra uma ocasião mais formal e noturna, que tenha somente duas e que uma delas esteja presente na montada e seja neutra, just in case, pra evitar de dar uma vibe business-like pra uma party. Sim, acredite, neste caso é por aí que a vibe funciona.
  • Uma camisa azul clara (ou levemente mediana) idem, se pra você azul com cor não ficar colorido demais. Se for uma gravata lisa/sólida, vale a cor que quiser, se for uma gravata estampada, escolha uma com algum tom de azul e pronto, linka e controla o multicolorido e não rola drama.
  • Se a camisa for estampada, escolha uma gravata lisa/sólida num tom de uma cor presente na camisa, ou então uma gravata estampada as well, que tenha pelo menos uma cor (ou tom da cor) em comum com a camisa. Aí eu recomendo que você leia este post aqui de estampa com estampa pra equacionar melhor essa coisa de coordenar estampas.
  • Geralmente a camisa deve ser mais clara do que a gravata, e se a camisa for escura… então dá uma olhada neste post aqui que eu simplifiquei a equação pra você. Agora, se quiser subverter a regrinha e bancar bem a proposta… experimente uma gravata um tom ou dois mais clara do que a cor da camisa escura ou mediana, mas cuidado nessa porque nem sempre funciona assim tão bem.
  • E já que estamos falando de camisa escura… acho que o único terno claro que banca bem mesmo uma camisa escura é o cinza claro. Meus dois cents e meio a respeito.
  • Pro dia uma camisa clara ou mediana é a pedida. Pra noite elas também continuam como as mais versáteis, mas uma escura até pode figurar, desde que siga os parâmetros mencionados na dica anterior.Enfim,

Enfim, esta é a maneira mais fácil de lidar com a situação sem ter olho pra cor ou sacar nada do assunto. Nessa, não complique, simplifique. Uma vez com este conhecimento assimilado… vai ficar fácil a coordenação até pra você color dummie pro.

Quando for uma cor e o branco, é sempre mais seguro apostar na cor do que no branco para uma gravata lisa.

Ah, Diandra, na hora de escolher camisa e gravata, escolho qual primeiro? Para os puristas a camisa deveria ser escolhida antes; já pra moi, tanto faz dude, já que se for se basear nas dicas que eu dei acima, não vai errar either way. Por exemplo: digamos que você ganhou uma bela gravata rosa com listras roxas, quais camisas seriam as suas sure bets? Branca, óbvio, rosa, lilás, roxa e azul clarinha (se bancasse o look colorido já que a azul clarinha é uma aposta clássica que dá com tudo).

Camisa laranja num tom bem fechado com gravata num tom laranja mais escuro do que a camisa. E antes que me perguntem: ele está usando uma camisa acetinada sim. Pra noite até poderia, mas não pense que vai ficar lindona em todo mundo porque não fica. Tecido brilhoso é perigoso! Caution aí.

Notou como funciona a coisa? Então…

Ah, logo, logo (eu juro que é logo, logo) eu vou colocar umas coordenações de camisas com gravatas que mais me apetecem pra dar uma luz visual melhor procês, tipo com a camisa amarela eu apostaria em gravata assim, assado e carne seca com ensopado.

Quando a camisa for escura, é sempre melhor ter uma gravata tão ou mais escura do que ela. E uma outra: uma maneira de dar uma twistada num look dark on dark é apostar em texturas diferentes das peças envolvidas.

E nunca esqueça de algo superimportante: pra que os combos funcionem, o tom da cor da gravata deve ser amigo assim como o da camisa. Portanto, escolha sempre os tons das cores certos pra você. E depois adicione o seu gosto. Se um combo de cores juntas não lhe apetece, procure um outro que o faça. Você não é obrigado a esportar (com s e não com x, mesmo) um combo de cores só porque ele é possível.

E sim, tem aulinha desta matéria módulo 201, mas só depois de gabaritar this one.

Então vão treinando aí.




Anterior1181920 Página 20 de 20