Como Usar e Onde Encontrar Pulseiras Masculinas!


30/06/15
Na(s) categoria(s): Trend Watch | Postado por Diandra Fernandes às 9:06

E a temporada europeia já terminou. Mas por aqui, ainda está rendendo posts. E os desfiles de hoje são os seguintes:

  
 OAMC – com algumas ideias de como usar estampas, colorblock, top por baixo mais comprido que o de cima e claro, calça curta.


Umit Benan – numa vibe militar cintada.



Paul Smith – despojando. E investindo em estampas AND meias divertidas.


     Saint Laurent – com a sua versão surfista californiano que pra mim está mais para grunge glam. E apesar de eu ter gostado da coleção, ainda não consigo achar isso aí a cara da marca.




29/06/15
Na(s) categoria(s): Trend Watch | Postado por Diandra Fernandes às 14:10

E os da vez são os seguintes:

 Officine Generale – que fez uma coleção despojada chiquezinha com looks-ideias pra usar a sua calça curta. Calça curta que inclui a versão afunilada comfy no repertório.

  
 Lanvin – numa coleção que eu não sei o que dizer sobre (empaquei nessa), mas que contou com alguns usual suspects como top por baixo mais comprido que o de cima, as regatas comportadas que desconfio será a regada da estação, coletes, bombers, vibe despojadona, sandálias e shortinhos… shortinhos (curtinhos) que junto com a bermudona parecem ser os shorts/bermudas da Primavera 2016.




28/06/15
Na(s) categoria(s): Trend Watch | Postado por Diandra Fernandes às 13:44

Hermès que adora aquela vibe despojada super chique e que pra Primavera 2016 se traduziu assim ó:

  
Calça curta (e sequinha) com sandálias (lindonas), looks monocromáticos, eventuais estampas (sobretudo no modo discretas e/ou neutras), jaquetas bombers, suéteres como top e tops de manga curta (kudos pros com colorblock nas mangas).

Ah, e note como marrom com vermelho fica guapo.




28/06/15
Na(s) categoria(s): Trend Watch | Postado por Diandra Fernandes às 9:13

Porque da leva de desfiles de ontem, estes foram os mais interessantes pra se registrar. A eles:

  
 Balmain – arrasando nas sandálias gladiadoras e nas manbags/mochilas (bolsa que dava pra usar como bolsa cross-body ou mochila pelo que eu vi) que pontuaram superbem seus looks utilitários.

  
 Dior – todo trabalhado na estampa camo e caprichando na paleta de cores.

  
 Berluti – apostando nas cores pra animar seus looks. Kudos pra esta manbag maleta com mais de um zíper. Cool.




27/06/15
Na(s) categoria(s): Trend Watch | Postado por Diandra Fernandes às 14:41

Eu não sou a maior fã da Givenchy não, mas nesta temporada ela arrasou nos looks. Looks que contaram com estampas (inclusive aquela na base do detalhe ou uma OD de), casacos medianos em looks slim, neutros e azul na paleta, macacões e montadas caprichadíssimas no fit.

  
   E ao que parece estampa de uma figura conhecida e notória é a estampa que quer ser a da vez. Na Dries Van Noten foi a Marilyn e na Givenchy, Jesus. E ficou bem legal.

Outra coisa que vingou de boa foi a saia, principalmente as sobrepostas em cima de calças e bermudas. Dorei. Mesmo.

Pra desfile os sapatos/sandálias ficaram interessantes, já pra vida the jury still out. Já aquela sandália  slider azul ficou redondinha pra ambos.




27/06/15
Na(s) categoria(s): Trend Watch | Postado por Diandra Fernandes às 9:37

E os desfiles da vez são os seguintes:

   Kolor –  todo trabalhado na vibe despojadona descoladona.

 Balenciaga – minimalista, futurista, militarista.

 3.1 Phillip Lim – outro todo trabalhado na vibe despojadona com alguns usual suspects da estação como bermudona, estampas, calças bag(onas)…

 Louis Vutton – com uma coleção pra pensar nas peças separadas, porque os looks… não deram bossa. Nenhuma.




26/06/15
Na(s) categoria(s): Trend Watch | Postado por Diandra Fernandes às 15:25

E entenda este muderninhas como algo pendendo pro alternativo, fora um pouco ou bem do mainstream ou do que a gente está acostumado. E taí duas coleções mudernas da safra Primavera 2016 versão Paris que eu curti, ó:

  
Ann Demeulemeester – que se valeu de cor com preto, transparências, coletes, jaquetas esportivas, regatas nada cavadas, sobreposições descoladas e que incluem até as calças (a primeira sobreposição de calça que vi achei que era uma jogger colorblock, hehehe), top por baixo mais comprido que o de cima e muito colorblock.

  
 Maison Margiela – que teve preto com cor, casacão, decotão, conjuntinho (inclusive de terno com casaco), transparências e muito neutro com neutro. Plus regatas nada cavadas e estes sapatos adornados for the fashion record.




123... 95Próxima Página 1 de 95